Sugestão de lanche para escola: ideias divertidas que você vai conseguir fazer

Um cardápio de lanches saudáveis e divertidos super fáceis de fazer

Seu filho agora vai para a escola. De início isso dá um certo alívio. Um momento da gente poder se reconectar, de sair do papel da mãe e encontrar o papel da mulher. Ainda que tenhamos um mundo de coisas para fazer, é quando os filhos vão para a escola que conseguimos ter um tempo para nós, sem interrupções. Mas bate também aquele aperto, aquela saudade, a vontade de pular o portão da escola para ver o que está acontecendo.

Mas nossos filhos precisam caminhar sozinhos, sair do ninho e bater as asinhas pelo mundo. E o primeiro lugar é a escola. Onde eles ganham autonomia e independência. Aprender a viver e conviver, sem o colo seguro da família.

A nós, cabe organizar os materiais e o lanche escolar.

O lanche escolar não é só uma comidinha que seu filho levar para a escola. Há muito mais do que um suquinho e uma bolacha ali. Quando a gente prepara a merenda, pensa em muitas coisas. Primeiro pensamos em opções saudáveis e em coisas que estarão gostosas até a hora do recreio. Também é preciso pensar no gosto do seu filho e montar um cardápio de lanche que a criança aceite. Unir essas duas coisas já um grande desafio diário.

Também é preciso escolher receitas rápidas de lanche, porque no dia a dia a gente sabe que vira uma correria a ida para a escola. E por último vem a questão do visual. A gente vê aquele monte de ideias de lanche super divertidas, que parecem brinquedo, com personagens, tipo um pedaço de jaca com formato de Mickey que seu filho provaria, mas que nossa habilidade manual não condiz com aquilo.

Bate o desespero.

O que eu vou colocar na lancheira do meu filho?

Há tempos venho acompanhando muitos perfis de mães que dão sugestões de lanche saudável para escola. De coisas extremamente saudáveis a lanches que mais parecem obra de arte. Até que conheci o trabalho da Edilene do Etc e Mãe. Assim como eu, ela é mãe de 3, trabalha, e prepara o lanche das crianças todos os dias. Admiro muito o trabalho dela no Insta @etcemae. E vou te contar porque: ela prepara lanches saudáveis, divertidos, cheios de carinho. Mas o que mais me chamou a atenção nas lancheiras que ela prepara foi o fato de elas serem possíveis.

Nossa falta de tempo, a falta de habilidade e o paladar dos nosso filhos não combinam com esculturas de biscoito de arroz decorada com folha de alga. O trabalho da Etc e Mãe é muito afetuoso e baseado no que as crianças comem de verdade com aquilo que qualquer mãe é capaz de fazer na cozinha. Um lanchinho e um recado. Uma fruta com um cortador.

Hoje escolhi algumas opções de lanche para a escola para a gente montar a lancheira das crianças. Mas preciso contar também que essa moça fez um E-book com MUITAS, mas MUITAS dicas de como montar o lanche. Desde o armazenamento até dicas de decoração. Ela fala muito na importância das mensagens de carinho e incentivo. E isso mudou a maneira como eu preparo o lanche das crianças.

Mas vamos às sugestões de lanche para a escola!

clique nas fotos para abrir a galeria

Viram como é possível tornar o lanche das crianças mais atrativo sem ter grandes habilidades ou gastar uma fortuna com coisas inúteis. Aquele cortador que a gente tem em casa, os potinhos diferentes, um recado amoroso… E o grande segredo é variar. Varie o lanche, as frutas, o suco, os potes, a decoração, o recado. Variando e colocando sempre algo diferente para seu filho provar. Não importa se voltar sem ter sido provado. A persistência instiga a curiosidade natural das crianças.

No E-book ABC da Lancheira Escolar, há muitas dicas de decoração e organização, bem como receitas deliciosas e saudáveis. Mas uma das partes que mais chamou minha atenção foi o capítulo que fala do envolvimento afetivo na hora do lanche: 

É um momento em que não estamos perto, que nossos filhos estão cercados de novidades, …, podemos estar presentes nessa hora, reforçando hábitos que ensinamos e demonstrando que, mesmo longe, podemos estar próximos!

Depois dessa leitura, certamente prepararei lancheiras mais afetivas. Estava me preocupando muito com a questão da aceitabilidade e da nutrição, e me esquecendo que o coração também precisa se alimentar.

 

 

2 comments

  1. Bom dia,amei suas dicas!!!Vou procurar adotá-las com minha filhota!
    Ótima dica,parabéns!
    Bjs,Malena.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: