Pão de leite: o segredo

pao

Receita versátil que pode virar bisnaguinha, tranças e ganhar recheio doce ou salgado.

Era uma vez a casa da vó. Daquelas que tem horta, pomar, galinha… No interior? Não, no meio da avenida mais movimentada da cidade.

Entrar naquela casa era mergulhar num outro tempo, num outro espaço. Coisa meio metafísica.

A vó fazia tudo de cabeça. Não me lembro de vê-la com livros de receita.

E ela não os tinha.

Anos e anos se passaram. A vó não mora mais naquela casa, e a senilidade não permite que ela se recorde das receitas.

Mas arrumando as coisas que a ela pertenciam, encontrei seus cadernos de receita. Na verdade, os cadernos eram da minha mãe e da minha tia, quando solteiras. E escondidas, garranchadas entre uma receita e outra, estavam aquelas que eram delas.

O segredo dela não eram as receitas. Por que a receita ela fazia na hora, com o que tivesse. O segredo eram os ingredientes fresquinhos, o forno velho e forma. A forma.

Meu avô fazia as formas, de todos os tamanhos. Com alças, sem alça, quadrada, retangular. Era uma época em que se faziam as coisas, não apenas se comprava.

Nessa recente arrumação, herdei os cadernos de receitas e duas formas. Uma delas usei para fazer um pão de leite, receita que vi por aí, mas adaptei, num jeito meio da minha avó.

O segredo do pão foi a lembrança: da cozinha sem receita, dos quitutes da vó, das criações do vô, da infância, da casa que já não existe mais.

O pão ficou delicioso. O receita eu compartilho com vocês. E a forma eu quero que dure para meus filhos entregarem aos filhos deles.

Pão de Leite1 ovo em 320ml de leite (coloque o ovo no recipiente e complete com leite até dar 320ml)
2 colheres (sopa) de creme de leite de caixinha
1 colher (sobremesa) de sal
2 colheres (sopa) de açúcar
600g de farinha de trigo ou mais
2 colheres (chá) de fermento biológico seco (cerca de meio envelope)

Misture todos os ingredientes e sove bem a massa por uns 5 minutos, até ela ficar lisinha. Se precisar, vá adicionando mais farinha até ela desgrudar das mãos (desgrudar não no sentido de virar uma massinha de modelar, mas de você conseguir manusear sem ficar com a mão toda cheia de massa. Coloque eu uma forma enfarinhada, cubra com filme plástico e um pano de prato e deixe crescer por 1 hora. Leve ao forno preaquecido a 180° por 35 minutos, até ficar dourado.

Prepare a mesa com os quitutes, os queijos, a manteiga e a geleia.

Dispense o jantar e se jogue no café da tarde!

Check Also

receita de nuggets caseiro: saudável e rende muito!

Receita de nuggets caseiro: em casa é mais gostoso!

Com essa receita de nuggets feito em casa você vai ver a economia e perceber …

3 comments

  1. Que post lindo! Me emocionei porque lembrei da minha vozinha falecida há quase um ano, ela era assim, cheia de pães gostosos e o meu filho teve o privilegio de ganhar a massinha do pão que ela fazia para brincar, enquanto ela amassava o pão ele ficava rodeando pra poder pegar.

  2. Parece delicioso, vou tentar! Gostei do novo visual do blog!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: