Faxina em casa: ponha as crianças para ajudar neste outono

O verão se despediu no último dia 20 de março, para tristeza daqueles que como eu amam o calor. Mas eis que o outono chega, e é tempo de colocarmos algumas coisas em ordem. Fazer uma faxina em casa nessa época é uma boa, mas por onde começar. E onde enfiar as crianças nesse processo?

Faxina em casa: ponha as crianças para ajudar neste outono
Imagem: Freepik

Além das temperaturas mais amenas, o outono vem deixando o ar mais seco. De repente, todo mundo desentoca cobertas e casacos, espalhando uma nuvem de ácaros por aí. Sem contar que os ambientes mais fechados são um prato cheio para os vírus e bactérias. Lembre-se que abril e maio são os meses de mais movimento em hospitais pediátricos.

Por isso, nada como deixar a casa ajeitada, limpinha para esta estação e ainda promover atividades com seus filhos. Além da diversão, os pequenos desenvolvem coordenação motora, a relação de causa e consequência e passam a se sentir mais parte da família quando participam ativamente das tarefas domésticas.

Faxina em casa com crianças: Outono

Brinquedos

Faxina em casa: Ponha as crianças para ajudar neste outono.

Aproveite para fazer aquela limpa nos brinquedos quando for encarar uma faxina em casa. Antes de dar aquela pirada e ameaçar jogar tudo no lixo, peça para as crianças colocarem tudo – eu disse tudo – no meio da sala, no quintal, em uma área com mais espaço e ajude-os a separar em coisas que eles amam MUITO, coisas que eles brincam pouco, coisas que eles nem ligam mais e coisas que precisam de conserto. E feito isso, é só organizar cada coisa em seu lugar. Os brinquedos mais usados ficam num lugar de fácil alcance. Os que não são muito utilizados, podem ficar em caixas. Pergunte para eles se eles sabem a importância de se doar e trocar brinquedos.

Aproveite os dias mais secos e ensolarados do outono para lavar os bichos de pelúcia. A Flávia Ferrari ensina como lavar os bichos de uma maneira bem prática.

Roupas

O inverno está a caminho, e antes que seus filhos saiam por aí com as canelas de fora, aproveite para dar aquela limpa no guarda-roupa deles. Ninguém merece estar atrasada, pedir mil vezes para seus filhos se arrumarem (uma das coisas que mais me irrita!) e de repente dar de cara com uma criança com as calças quase no joelho. Separe as roupas de frio e chame as crianças para um grande desfile ou para uma gincana para ver quantas roupas eles conseguem trocar em 5 cinco minutos. Nessas, você confere o que cabe e o que pode ser passado para frente. Vale a pena passar as peças na água antes da brincadeira, principalmente se alguém da casa for alérgico a ácaro ou pó.

Deixe as crianças limparem gavetas e armários com uma pano úmido e álcool. Eles amam fazer esse tipo de coisa, e o álcool é um produto que as crianças podem manusear com mais segurança – mas sempre com supervisão, né?!

Peça para as crianças a partir de 6 anos criarem uma arara improvisada para os casacos tomarem sol. Pode ser com um pedaço de corda, cabo de vassoura, escada… Não ofereça ajuda, se não for solicitado, e faça apenas perguntas, quando quiser dar um palpite. Deixe que eles resolvam o “pepino”. “Como é que podemos colocar esses casacos pendurados para tomar sol?”

Cobertas

O friozinho chegou, e as cobertas que estavam no fundo do armário precisam ser limpas. Peça para as crianças carregarem as cobertas, o máximo de conseguirem, até a máquina ou a porta, para irem a lavanderia. Garantia de muita gargalhada e tombos protegidos pela fofura dos cobertores.

Depois de limpos, não deixe de montar uma cabana com eles na sala e aproveitar o quentinho para dormirem todos juntos num acampamento que rende memórias incríveis. Aliás, eu tenho um post cheio de ideias legais para se fazer no inverno.

Tapetes

Se sua casa tem tapetes e você não aproveitou o verão para lavá-los, o outono é sua última chamada. Além disso, a casa no inverno pede um chão mais quentinho e aconchegante, se ninguém for alérgico, claro!

As crianças podem ajudar na lavagem nos dias de calor que ainda vão aparecer. A espuma que o tapete forma é garantia de brincadeira para qualquer idade. Se o tapete for para a lavanderia, aproveite que eles sempre retornam em forma de rolo e deixe as crianças desfrutarem aquilo como uma ponte para cruzar o rio de lava, como um cavalo, uma moto… Deixe a imaginação fluir.

Remédios

Com a época de gripes e resfriados se aproximando, é ideal deixar a farmacinha em ordem. E essa é uma tarefa que os mais velhos, a partir dos 8 anos, já podem ajudar. Peça para que eles te ajudem a verificar a validade dos medicamentos. Os menorzinhos precisam ficam foram dessa, mas podem limpar a caixa com água e detergente ou apenas brincar com as caixas vazias (verifique se realmente estão vazias) dos medicamentos, construindo cidades ou robôs. Veja no Vida Organizada como arrumar sua farmacinha.

Fazer aquela faxina em casa traz sempre boas energias. E poder contar com os filhos nessa atividade é uma maneira de desenvolver a autonomia e incentivar a participação das crianças no dia a dia da casa. Isso traz segurança e um sentimento de pertencimento que é imprescindível para o desenvolvimento infantil. Os afazeres domésticos, de acordo com a faixa etária, impactam de uma maneira geral na vida da criança. E isso traz melhoras inclusive para o desenvolvimento escolar e emocional.

Deixe uma resposta