Manual de sobrevivência para momentos de explosão

Hoje é um dia feliz. Mas daqueles de dar um berro.

A internet trouxe pessoas muito especiais para minha vida. Uma delas é a Fabi Deziderio. Já fizemos alguns trabalhos juntas, já escrevemos, fizemos trabalho para TV juntas, mas, acima de tudo, rimos muito juntas. Principalmente das nossas próprias penúrias. Fabi escreve o Crônica Vida, com seus causos absurdamente reais, e agora vai dividir seu bom humor aqui com a gente.

Seja bem-vinda e desembucha, Fabi. A casa é sua!

Como sobreviver aos momentos de explosão, em que é a mãe quem tem um ataque de birra.

Sua vida está tão caótica que tem vontade de pegar suas coisas e sumir do mapa? Não aguenta mais todo mundo lhe cobrando sem sequer lavar um copo para ajudar? Está tão cansada que seria capaz de dormir encostada num poste em construção no meio da rua? “Guenta” colega, porque na primeiro post na casa da Diiirce – obrigada Mi! – trago 6 medidas que mudarão, ou não, a sua perspectiva sobre as coisas todas, rs. Preparada? 

1) Palavrões : use-os sem moderação

Sei que são feios, mas não há nada mais libertador que mandar alguém para a casa do caralho. Isso é muito melhor que Rivotril e similares. Aliás, se alguém reclamar da sua boca suja e usar o argumento “vou lavar com sabão”, aproveite e mande enfiar a barra no meio do cu também. Capisce?

Nível de despressurização: 10

2) Príncipe encantado: um ser tão mitológico quanto os unicórnios

Mano, todo conto de princesa acaba no primeiro dia do casamento, porque verdade seja dita: conviver com outra pessoa é difícil, é quase como uma bomba de nitroglicerina pronta para explodir. Assuma isso e tire muito do peso de sua vida.

Nível de despressurização: 7

3) Relacionamento perfeito? Corra para as colinas!

Fuja dos relacionamentos perfeitos das redes sociais. Ninguém que divide boleto e problema vive um conto de fadas e não há romantismo algum em enfiar duas pessoas completamente diferentes sob o mesmo teto. Sabe, relacionamento a gente constrói e se estiver na pilha que está tudo uma merda lembre-se: os colegas felizes não cagam rosas.

Nível de despressurização: 6

4) Saiba que o filho dos outros também é mal educado

Criar filhos exemplares é tarefa de monarquia e veja que nem a rainha segurou o caçula de Daiane. O menino Harry protagonizou cenas de tirar o fôlego e na linha do tempo ele reencontrou o caminho de Jesus. A gente continua tentando para a água mole furar a pedra dura, mas escorrer na parede como amoeba sofrida, desista. Tire o peso e acredite que é capaz!

Nível de despressurização: 9

5) Dê dinheiro junto com sua opinião e ficarei mais feliz

Gente se metendo na nossa vida não falta e muitas vezes isso tem enorme impacto, afinal, viramos frangas que amam depois dos rebentos. Mas já que pitacos não chegam com dinheiro, recomendo fortemente que foque – APENAS – nas criticas das pessoas que te amam o restante and maioria, trate com as dicas do item 1.

Nível de despressurização: 8

6) Solte as toxinas, de preferência na cara dos outros

Lembro de fazer uma aula de yoga onde as pessoas peidavam e arrotavam numa sala fechada. Liberar as toxinas era algo natural, mas não para mim. Inalei peidos fedidos por muito tempo, mas um dia resolvi devolver ao ambiente tudo aquilo que estava preso, e foi libertador. Dance no mesmo ritmo e não se cobre tanto. Sempre dá certo!

Nível de despressurização: 5

Falando quase sério?

Sou a prova viva de que ansiedade e cobranças detonam a vida. Então, de verdade, a proposta aqui é provocar uma reflexão: qual foi a última que você parou para dar um tempo para a sua cabeça? Você pode viajar para os lugares mais lindos do mundo, pode ser magra e ter dinheiro para comprar o que quiser, mas se não tiver capacidade de se perdoar, de tirar a carga da vida e de colocar os pés no presente, a coisa toda não valerá a pena. Respire, sorria enquanto faz isso, medite (recomendo os aplicativos “Stop, breathe & think” e “Sativa”). Dê um tempo, reorganize as ideias, despressurize a cabine mental! Isso tudo pode parecer simples, mas tem um efeito maravilhoso na qualidade de nossa vida. Tente!

#PAZ, um beijo e até o próximo post 🙂

Visite o blog da Fabi: Crônica Vida

Check Also

Mãe exausta: o que fazer com os filhos por perto

Ideias geniais para uma mãe exausta relaxar com os filhos

Atividades que qualquer mãe exausta vai querer fazer no meio do dia para recarregar as …

Deixe uma resposta