Às mães que suam e choram

Todas nós entendemos o valor de uma mensagem de Dia das Mães.

Mensagem de dia das mães

Não sei há quanto tempo você celebra o Dia das Mães, se há poucos meses ou há muitas décadas, mas acredito que todas nós temos algo em comum.

Todas nós entendemos a real definição de amor incondicional. Talvez tenhamos demorado um pouco mais a entender, enquanto a outra o sentiu assim que descobriu a gravidez. Mas em algum período da maternidade a gente passa a entender o que é esse tal amor que “se” nenhum é capaz de derrubar.

Todas nós entendemos a real definição de doação. Cada uma à sua maneira: umas abrem mão da carreira, outras abrem mão da vida social, a grande maioria abre mão de noites bem dormidas e pratos quentes de comida. Deixamos de lado o sapato tão desejado por uma muda de roupas novas que nem serão para a gente. Abrimos mão do último pedaço de chocolate. Mas o que é um pedaço de chocolate para quem doou o próprio corpo?

Todas nós entendemos a definição de altruísmo, em maior ou menor grau. Se antes nosso coração era duro como pedra de gelo, depois de ser mãe, muitas de nós passamos a se emocionar com videozinhos comoventes. Talvez nem tanto, mas não há coração de mãe que não derreta em ver a união e o afeto entre irmãos, não há mãe que não se emocione em ver seu filho crescer rapidamente, bem diante dos seus olhos. Ontem no seu colo, protegido, e hoje, ele está pedindo dinheiro para sair.

Todas nós entendemos a definição de solidão. Do amamentar, que traz uma conexão incrível com seu bebê, do colinho ao ninar, momentos que parecem estar acontecendo dentro de uma bolha. Uma bolha da qual às vezes é difícil sair. É nessa bolha que revivemos emoções de nossa infância, é nessa bolha que passamos o sentimento de proteção, e onde estamos protegidas. É nessa bolha que escutamos nossos pensamentos e, por diversas vezes, ficamos sem nos entender. E por mais que tenhamos todas as ajudas do mundo, a maternidade é um lugar de solidão. Um lugar onde só você pode desempenhar o seu papel.

E mesmo assim, todas nós entendemos a definição de solitude. Apesar de muitas vezes nos sentirmos sozinhas no mundo, tem horas em que tudo o que a gente queria era ficar um pouco sozinha. De querer ir sozinha ao banheiro, dormir se esparramando na cama ou passar uma tarde vendo o que quiser na TV. A vida com filhos te faz ter companhia o tempo todo. O. Tempo. Todo.

Assim, todas nós entendemos a definição de tempo. O tempo que encurta calças, cresce unhas e avisa que hoje não vai jantar em casa. O tempo que faz brotar rugas e manchas naquele rosto de menina. O tempo que transforma a menina que queria descobrir o mundo, na mulher que quer transformar o mundo de alguém.

Todas nós entendemos.

Você não não está só tentando ser a melhor mãe do mundo. Eu também estou aqui, tentando ser tão boa quanto você.

Vem cá, me dá a sua mão, olha nos meus olhos. Sozinhas, a gente se esgota, nossa força feminina se esvai com a água salgada que sai do corpo e dos olhos. Mas juntas, nossa água salgada vira mar. O mar que lava, que acolhe, que muda e faz mudar.

Todas nós entendemos a definição da força que tem uma mãe!

Nesse dia das mães, não pense só em presentes e almoço. Antes de apenas encaminhar a imagem de Feliz Dia das Mães para todos os seus contatos, escreva, grave, diga de verdade o que você mais admira naquela mãe. Encha sua mãe, sua irmã, sua sogra, sua cunhada, sua comadre, sua amiga, sua vizinha, de orgulho.

Encha as mulheres à sua volta de energia e amor.

Todas nós entendemos que é só amor que pode mudar o mundo. E não há melhor maneira para essa onda se espalhar se não pelas mães.

Feliz Dia das Mães para você que leu esse texto até aqui, deixando de fazer alguma coisa importante. Eu fico muito grata de poder ter tocado seu coração de alguma forma. Cada visualização que o post tem, para mim, não é apenas um número, mas uma companheira nessa jornada de querer mudar o mundo. E quanto mais esse número cresce, mais eu tenho fé de que vamos conseguir. Obrigada por estar sempre aqui!

2 comments

  1. Lilian J C Pescara

    Obrigada você! Por essas palavras tão lindas e tão verdadeiras!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: